Rádio MDB Brasil Nacionais

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Coluna Na Marca do Pênalti desta segunda...

Imperatriz - Confira os tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", desta segunda-feira, 26 de novembro de 2018, do "Jornal Correio", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna na Marca do Pênalti
26 de novembro de 2018


É campeão!
Mais do que merecido o título brasileiro de 2018 do Palmeiras. Se existe justiça no futebol, certamente, esse título do Palmeiras representa isso. Uma campanha irretocável, com 22 partidas invictas, 21 no comando do Felipão. Dos 37 jogos realizados, o Verdão obteve 22 vitórias, 11 empates e, apenas, 4 derrotas. Foram 61 gols marcados, até agora, 24 sofridos, um saldo de 37 gols e um aproveitamento de 60%. As quatro derrotas ocorreram na 5ª rodada (Corinthians 1 x 0 Palmeiras); 7ª rodada (Palmeiras 2 x 3 Sport); 8ª rodada (Cruzeiro 1 x 0 Palmeiras) e na 15ª rodada (Fluminense 1 x 0 Palmeiras). O Flamengo foi a única equipe que o Palmeiras não venceu. Foram dois empates, ambos, em 1 x 1. O primeiro na 12ª rodada, no Allianz Parque, e o segundo na 31ª rodada, no Maracanã. Todas as outras 36 equipes foram derrotadas pelo Verdão, o legítimo campeão brasileiro de 2018. Parabéns aos jogadores, torcedores e ao técnico Felipão, que após o vexame dos 7 x 1, na Copa, realiza um trabalho irretocável.

A CBF, como sempre...
...presta o desserviço ao futebol Brasileiro com as suas manobras políticas para tirar vantagem em alguma situação. A mais nova e que está criando uma polêmica muito grande no futebol brasileiro é com relação aos títulos conquistados pelo Palmeiras (e outras equipes, como o Santos, por exemplo). Muito bem, em 2010, a entidade resolveu unificar os títulos da Taça Brasil e o Torneio Roberto Gomes de Pedrosa (chamado carinhosamente, na época, de Robertão), competições que foram realizadas de 1959 até 1970, onde o Verdão conquistou as Taças Brasil de 60 e 67 e o Robertão de 67 e 70. Com a conquista dos 6 Brasileiros (70, 72, 93, 94, 2016 e 2018) os torcedores e a imprensa (a maioria paulista) está decantando que o Palmeiras é deca campeão (10 títulos brasileiros). Se for puxar na ponta do lápis, o Palmeiras conquistou 6 Campeonatos Brasileiros, 2 Taça Brasil e 2 Torneio Roberto Gomes de Pedrosa. Essas manobras acabam virando piada, pois querem transformar Taça Brasil e Torneio Robertão em campeonato, onde um time foi campeão duas vezes no mesmo ano (67). A CBF está enterrando a história do futebol brasileiro, onde Palmeiras, Santos e outras equipes conquistaram, com muita justiça e merecimento, esses títulos. Mas é preciso que separar o joio do trigo. Campeonato Brasileiro é de 71 para cá. 

Mais um time...
...caiu para a Série B, após os resultados dos jogos de domingo. O Vitória da Bahia, que empatou em 0 x 0, com o Grêmio, se junta ao Paraná e vai disputar a Segundona em 2019. Com 37 pontos, restando um jogo (com o Palmeiras, em São Paulo) o time baiano só pode chegar a 30 pontos, em caso de vitória. O primeiro time fora da Zona de Rebaixamento é a Chapecoense, que já soma 41 pontos. Restando duas vagas para fechar o Z-4, teremos muita emoção na última rodada. Equipes grandes como Vasco e Fluminense estão ameaçadas, mais uma vez, de rebaixamento. O Fluminense, que não vence e não marca um gol a 7 jogos, é o 14º, com 42 pontos e recebe o América (17º), com 40 pontos. Aqui uma briga direta. Já o Vasco (15º), também com 42 pontos, enfrenta o Ceará (13º), com 43 pontos. Entre essas equipes e o Z-4 tem a Chapecoense (16ª), com 41 pontos, que recebe o São Paulo. Se o Ceará, a Chapecoense e o América vencerem seus jogos, Fluminense ou Vasco caem. 

O Cavalo de Aço...
...começou a anunciar as suas contratações para 2019. Usando as redes sócias, a página oficial do clube no Facebook, onze jogadores já foram anunciados como contratados para a próxima temporada. Alguns são conhecidos da torcida de Imperatriz. Casos do zagueiro Wanderson (ex-Moto), o lateral esquerdo, Jeff Silva (Resende), os jogadores de meio campo Digo Oliveira e Marcos Paullo, ambos jogaram no Moto, além dos atacantes Chaveirinho e Alexandre Balotelli. Quero acreditar que todas essas contratações estão tendo o aval do treinador, Ruy Scarpino. Falar se vão dar certo ou não, só o tempo vai dizer. Nenhum técnico vai indiciar e o time contratar jogadores que não sejam para dar certo. Alguns não conseguem por vários motivos. A expectativa é grande para olhar esses jogadores em ação. Uma coisa a diretoria e o treinador sabem: uma coisa é jogar o estadual e, até, a Série D. Outra coisa é trazer jogadores para uma Série C. Que o Cavalo de Aço tenha sorte nas contratações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário