JOSÉ AUGUSTO - 10 DE MAIO

JOSÉ AUGUSTO - 10 DE MAIO

Rádio MDB Brasil Nacionais

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Copa do Brasil e final do Gaúcho movimentam a noite de quarta-feira

Goleiro Paulo Victor abraçado pelo seu técnico, Renato Gaúcho.
(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
Imperatriz - A noite de quarta-feira foi movimentada no futebol brasileiro com a final do Campeonato Gaúcho, entre Grêmio e Internacional e os jogos de ida da 4ª fase da Copa do Brasil.

Copa do Brasil
A bola começou a rola cedo, com o Santos recebendo o Vasco, na Vila Belmiro. O placar permaneceu inalterado na etapa inicial, com as duas equipes criando chances de gols, que só saíram na etapa final.  Logo no início do 2º tempo, Soteldo cruzou da esquerda para a direita e Rodrygo finalizou, de primeira, para abrir o placar, que foi fechado aos 20 minutos, através de Jean Mota, em um belo chute, colocado, de fora da área. Com a vitória por 2 x 0, o Santos pode perder, até, por 1 gol de diferença, que se classifica. O jogo da volta está previsto para a próxima semana, no Rio de Janeiro.

Chape 1 x 0 Corinthians
Com gol de Aylon, aos 33 minutos do 1º tempo, a Chapecoense venceu o Corinthians, por 1 x 0, na Arena Condá, no jogo de ida. O Timão usou um time alternativo, poupando alguns titulares para a decisão do Paulista, no domingo, contra o São Paulo. O jogo da volta está previsto para quarta-feira (24), na Arena Corinthians, onde o Timão precisa vencer por dos gols de diferença. Se vencer só por um gol, apenas, a decisão da vaga vai para as penalidades.

Fluminense 2 x 0
O Tricolor das Laranjeiras fez o dever de casa e venceu o Santa Cruz por 2 x 0, no Maracanã, com gols do lateral direito  Gilberto, aos 18 minutos, e um belo gol de Luciano, aos 30, ambos na primeira etapa. O Fluminense poderia ter sápido com uma goleada para dá mais tranquilidade no jogo da volta, programado para quinta-feira (25), em Recife, onde uma derrota por um gol de diferença classifica o Tricolor. O Santa Cruz vai ter vencer por 3 gols de diferença, ou 2 gols para decidir nos pênaltis.

É campeão!
Assim gritou o torcedor do Grêmio, assim que André converteu o terceiro pênalti do Tricolor, que venceu o Internacional por 3 x 2, nas penalidades máximas, após um novo empate sem gols. O Grêmio teve a melhor chance para vencer o jogo no tempo normal, quando Marcelo Lomba defendeu cobrança de pênalti de André. 

Como as duas equipes haviam empatado no primeiro jogo, alguém precisava vencer o segundo para conquistar o título. Com o novo empate, em 0 x 0, a decisão foi para os pênaltis e a estrela do goleiro tricolor, Paulo Victor (na foto com Renato Gaúcho), brilhou. Ele defendeu 3 penalidade: Camilo, Nico Lopez e Victor Cuesta. Everton e Michel desperdiçaram pelo Grêmio. Com isso, o Grêmio conquistou o bicampeonato. 

Assista os melhores momentos dos jogos de quarta-feira, no vídeo abaixo:

Volante Felipe Dias pode ser o oitavo reforço do Sampaio para Série C

Volante Felipe Dias com a camisa do Moto em confronto com o Sampaio.
(Foto:  Weliandrei Campelo/Moto)
São Luís - Após anunciar sete reforços, a diretoria do Sampaio Corrêa pode, a qualquer momento, anunciar a chegada do volante Felipe Dias, que jogou no Moto Club e disputou o Campeonato Carioca pela equipe do Bangu. O jogador de 23 anos está negociando com o Tricolor para o Brasileiro da Série C e Copa do Brasil. O próprio Felipe Dias confirmou a negociação, ao mesmo tempo que negou conversas para vestir a camisa do Cavalo de Aço neste segundo semestre. O jovem jogador disse que chegou a ser procurado pelo Imperatriz no início do ano. – “O Imperatriz me procurou no início do ano. Estou negociando com o Sampaio, mas ainda não tem nada certo” – disse Felipe.

Revelado no Flamengo, Felipe Dias se destacou no Tombense, em 2014. No ano seguinte ele teve sua primeira passagem pelo Moto Club, onde jogou, também, em 2016/17 e conquistou o Campeonato Maranhense de 2916 e o acesso para o Brasileiro da Série C.

Além do Moto e Tombense, Felipe Dias jogou no Sertãozinho, no Campeonato Paulista da Série A2 e neste ano disputou o Campeonato Carioca elo Bangu, que foi a sensação, chegando às semifinais do estadual.

O Sampaio Corrêa, que estreia na Série C no dia 28, contra o Sergipe, em Aracaju, já anunciou a contratação de sete jogadores: Everton Silva, Neto, Mateus, Diogo Rangel, Douglas Assis, Lucas Lucena e Salatiel Júnior. Os volantes Patrick Mota e Tom Abreu foram os púnicos liberados até o momento. 

Resultados de quarta-feira...


Campeonato Gaúcho – Final – Volta
21h30 Grêmio* (3) 0 x 0 (2) Inter – Arena do Grêmio 

Copa do Brasil – 4ª Fase – 1ª Rodada 
19h15 Santos 2 x 0 Vasco – Vila Belmiro
21h30 Chapecoense 1 x 0 Corinthians – Arena Condá
21h30 Fluminense 2 x 0 Santa Cruz – Maracanã

Copa Sul Americana – 1ª Fase – 2ª Rodada
21h30 Oriente Petroleiro (0) 1 x 1 (3) **Rionegro Águilas – Ramon Tahuichi
21h30 Indep. Del Valle** (4) 2 x 0 (2) Unión – Olímpico Atahualpa

* Campeão
** Classificado

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Gauchão: Grêmio e Inter decidem título estadual nesta quarta

Luan e D’Alessandro devem ser opção no banco de reservas de Grêmio e Inter.
(Foto: Divulgação) 
Porto Alegre - Detentores do apelido de "Homens Gre-Nal", Luan e D'Alessandro podem ser coadjuvantes no clássico desta noite, na Arena. Os dois, principais goleadores de Grêmio e Inter nos embates com os maiores rivais, são cotados para iniciar no banco de reservas no confronto das 21h30 desta quarta-feira, ma Arena, em confronto que definirá o campeão gaúcho. Um deles pode até sobrar do reservado. 

A oficialização das escalações só acontecerá 45 minutos antes do clássico. A tendência, porém, é de que ambos não estejam entre os 11 iniciais de Renato Gaúcho e Odair Hellmann. D'Alessandro disputa vaga com William Pottker e Guilherme Parede para formar ataque com Nico López e Paolo Guerreiro no Inter. Já Luan voltou a concentrar com o grupo e deve ser alternativa a Jean Pyerre.

Para a decisão desta quarta-feira, fica a incógnita se um deles terá a chance de entrar alguns minutos em campo. A certeza é que, após o apito final, um ou outro colocará mais uma faixa no peito, levantará a taça e terá a chance de provocar o adversário. Resta saber qual.

Ficha Técnica
Jogo – Grêmio x Inter (Campeonato Gaúcho – Decisão – Volta)
Local – Arena d Grêmio (Porto Alegre-RS)
Horário – 21h30 (Brasília)
Árbitro – Jean Pierre Gonçalves Lima
Ass. 1. – Rafael da Silva Alves
Ass. 2. – Lúcio Beiersdorf Flor.

Grêmio
Paulo Victor; Leonardo, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre e Everton; André.
Técnico: Renato Gaúcho.

Inter
Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Patrick, William Pottker e Nico López; Paolo Guerrero.
Técnico: Odair Hellmann.

Fonte: Globo.com

Copa do Brasil: Santos recebe o Vasco na Vila Belmiro

Santos - Santos e Vasco abrem a quarta fase da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (17), às 19h15 (de Brasília), em duelo na Vila Belmiro – a volta está marcada para o dia 24 de abril, no mesmo horário, em São Januário. Com o elenco descansado e vindo de uma semana livre de treinos, o Santos busca largar na frente na eliminatória e emendar uma boa sequência na Vila Belmiro. O Peixe chega para o duelo após vencer por 3 a 0 e eliminar o Atlético-GO na terceira fase. O técnico Jorge Sampaoli levará a campo o que tem de melhor. Já o Vasco chega para a partida sem três titulares: o goleiro Fernando Miguel, Leandro Castán e Rossi. A escalação do técnico Alberto Valentim deve priorizar a marcação forte no meio e a busca pelos contra-ataques.

Transmissão
O jogo entre Santos e Vasco tem transmissão ao vivo do SporTV para todo o Brasil com narração de Milton Leite e comentários de Mauricio Noriega e Ricardinho. O GloboEsporte.com acompanha em tempo real, com vídeos.

Santos 
O Santos conta com o retorno de Gustavo Henrique, que cumpriu suspensão na última partida e deve retornar ao time titular ao lado de Felipe Aguilar. A ausência é Cueva, suspenso. A tendência é que Sampaoli escale um time parecido com o que levou a campo diante do Atlético-GO. A dúvida fica por conta da lateral esquerda, onde Diego Pituca pode seguir improvisado ou Jorge pode começar jogando.
Fora
Cueva (suspenso), Felipe Jonatan (já atuou na competição pelo Ceará e não pode ser inscrito) e Matheus Ribeiro (lesão na coxa).

Vasco 
O Vasco vem com desfalques importantes para a partida contra o Santos. Sem três titulares (Fernando Miguel, Castán e Rossi), Alberto Valentim vai colocar em campo um time forte na marcação e deve usar três volantes, apostando nos contra-ataques rápidos com Pikachu e Yan Sasse pelas pontas. Marrony vai ficar responsável pela última bola.
Fora
Fernando Miguel, Rossi e Leandro Castán.

Ficha Técnica
Jogo – Santos x Vasco (Copa do Brasil – 4ª Fase – Ida)
Local – Vila Belmiro (Santos-SP)
Horário – 19h15 (Brasília)
Árbitro – Leandro Pedro Vuaden (RS)
Ass. 1. – Jorge Eduardo Bernardi (RS)
Ass. 2. – Leirson Peng Martins (RS)

Santos
Everson; Victor Ferraz, Aguilar, Gustavo Henrique e Jorge; Alisson, Diego Pituca, Carlos Sanchez e Jean Mota; Derlis González e Soteldo.
Técnico: Jorge Sampaoli.

Vasco
Gabriel Félix; Raul Cárceres, Werley, Ricardo e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro e Willian Maranhão; Yago Pikachu, Marrony e Yan Sasse.
Técnico: Alberto Valentim.

Fonte: Globo.com

Imperatriz vive expectativa de anúncio de novas contratações

Ruy Scarpino, técnico campeão com o Imperatriz.
(Foto: Divulgação)
Imperatriz - Com estreia no Campeonato Brasileiro da Série C prevista para o dia 27 (sábado), a Sociedade Imperatriz de Desportos, atual campeã maranhense, corre contra o tempo para anunciar seus reforços para a competição. Até o momento, apenas o lateral esquerdo Aélson e o atacante Val Barreto forram apresentados, inclusive já vem treinando com o grupo.

Diante disso, estão sendo divulgadas muitas informações oficiosas sobre o interesse do Imperatriz em diversos jogadores. Nomes como o do zagueiro Michel, que esteve ano passado na equipe, Felipe Dias (ex-Moto e que estava no Bangu), Valderrama, Eloir, Leandro Mineiro e, até, Pimentinha, que foi anunciado pelo Paysandu, são nomes especulados, mas nenhum confirmado pela diretoria.

Outra informação divulgada logo após a conquista do Campeonato Maranhense, é que o Imperatriz já tinha acertado com quatro jogadores, além de Aélson e Val Barreto, mas os nomes só seriam anunciados após a assinatura de contratos. O certo é que o tempo está passando rápido e o Cavalo de Aço precisa realizar contratações pontuais. Não pode se dá o luxo de contratar jogadores para compor plantel. 

Em entrevista após a final de sábado, o técnico Ruy Scarpino deixou clara a necessidade de reforçar o time para a Série C, mas não falou em quais posições. Pelo que se tem acompanhado, o time tem carência no miolo da zaga, além de uma camisa 10 e dois atacantes de lado de campo.

Secretário de esporte garante recuperação do Ginásio Castelinho

Secretário de esporte do estado, Rogério Cafeteira.
(Foto: Divulgação) 
São Luís - Após um mês e meio da queda do teto do Ginásio Castelinho, no Complexo Canhoteiro, em São Luís, o Secretário de Estado de Esportes e Lazer (Sedel), Rogério Cafeteira, falou sobre a previsão para recuperação da praça esportiva. Segundo o secretário, além da recuperação do teto, o Castelinho passará por reformas para se tornar um ginásio acessível e deve ter uma nova quadra. – “Faremos a cobertura. Em seguida faremos uma reforma em todo o ginásio. São prédios antigos, da década de 80, onde não existia a legislação de acessibilidade e não havia essa preocupação. Aproveitaremos para refazer essas adequações necessárias, vamos refazer a quadra e as reformas necessárias em toda a estrutura. Teremos um ginásio novo” – informou Rogério.

No primeiro momento, o trabalho realizado no local é para a retirada da estrutura do teto que desabou, além de equipamentos e documentos que estavam no ginásio. Segundo o secretário Rogério Cafeteira, o prazo inicial é de um ano, mas que pode ser prorrogado por até cinco anos. – “O prazo pode ser prorrogado por até cinco anos, mas acredito que em um ano, mais ou menos, a gente poderá concluir essa obra. Sobre a questão da perícia, eu entrei em contato com o ICRIM e nos passou que devem passar nos próximos 15 dias. Ainda não foi apresentado um laudo, porque as peças que sofreram fratura foram levadas para laboratório para uma análise mais profunda. Segundo foi informado o laboratório da UFMA não estava completo e foi levado para o laboratório da UEMA” – explicou o secretário.

Além da recuperação do Ginásio Castelinho, Rogério Cafeteira falou sobre a situação do parque aquático. O local, com duas piscinas olímpicas, está precisando ser recuperado, com ferragens expostas e água acumulada, o que facilita a proliferação do mosquito da dengue. O secretário anunciou que será dada uma ordem de serviço para a recuperação do local e estima em 15 meses a conclusão das obras. – “Não passará de 10 dias, provavelmente, darei a ordem de serviço para a recuperação do parque aquático. Quero ressaltar o trabalho do secretário Clayton Noleto para recuperar esse recurso, que existia para as piscinas. Teremos uma estrutura de nível olímpico para receber qualquer competição. Piscinas com as mesmas tecnologias usadas nas Olimpíadas. Em um espaço curto de tempo, creio que em 15 meses, aproximadamente, o parque aquático estará totalmente recuperado. Precisamos dar utilidade e o Complexo Canhoteiro é subutilizado pela população” – finalizou o secretário de esporte.

Fonte: GE Maranhão.

Visando a Série C, Sampaio anuncia mais quatro contratações

Zagueiro Douglas Assis na Série B, defendendo o São Bento, de São Paulo.
(Foto: Jesus Vicente) 
São Luís - Querendo retornar à Série B do Campeonato Brasileiro em 2020, a diretoria do Sampaio Corrêa, através do seu presidente, Sérgio Frota, anunciou mais quatro reforços para as disputas do Campeonato Brasileiro da Série C e Copa do Brasil (entra nas oitavas de final). Diogo Rangel (lateral direito), Douglas Assis (zagueiro), Lucas Lucena (volante) e Salatiel Júnior (atacante) se juntam a Everton Silva, Neto e Mateus anunciados no início desta semana.

Diego Rangel
O lateral direito Diego Rangel, de 27 anos, está retornando ao futebol brasileiro após passagem no Zaria Balti, na Moldávia. Antes, ele defendeu o Bragantino, Botafogo e São Caetano, todos em São Paulo. Além desses clubes, Diego Rangel passou no futebol coreano e polonês. Ele chega para disputar a posição com Yann, Talysson e Everton Silva.

Douglas Assis
Com 33 anos, o zagueiro Douglas Assis, que estava no Brasil de Pelotas, onde disputou o Campeonato Gaúcho, chega ao Sampaio com status de titular. No ano passado, o zagueiro vestiu a camisa do São Bento-SP, no Campeonato Brasileiro da Série B. Além disso, jogou, também, no Boa Esporte-MG, Vila Nova, Macaé e Madureira, do Rio de Janeiro, além de outras agremiações.

Lucas Lucena
Volante de 23 anos, Lucas Lucena jogou o Campeonato Goiano deste ano pelo Itumbiara, onde atuou em 11 partidas. Ele teve formação nas categorias de base do Botafogo carioca e no Bahia e começou a carreira profissional no Ypiranga, da Bahia, além de passagens no Galícia-BA e Olaria-RJ.

Salatiel Júnior
A seca de gols no primeiro semestre fez com que o Sampaio apostasse no atacante Salatiel Júnior, 26 anos, que estava no futebol Mineiro, onde defendeu as cores da Caldense. Passou em brancos nos cinco jogos que disputou. Mas em 2018, quando vestiu a camisa do Juazeirense, da Bahia, Salatiel marcou oito gols, em vinte jogos. 

Além da Copa do Brasil, onde entra na fase de oitavas de final, o Sampaio vai disputar o Campeonato Brasileiro da Série C, com estreia programada para o dia 28 deste mês, contra o Confiança, no estádio Batistão, em Aracaju.

terça-feira, 16 de abril de 2019

Coluna Na Marca do Pênalti desta terça...

Imperatriz - Confira os tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", desta terça-feira, 16 de abril de 2019, do "Jornal Correio", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna na Marca do Pênalti
16 de abril de 2019

É campeão!
Assim o torcedor do Imperatriz ainda está gritando nos quatro cantos da cidade, após a vitória, surpreendente, do Cavalo de Aço sobre o Moto Club, de virada por 3 x 2, no último sábado, em São Luís, calando os mais de 5 mil rubro negros, que já comemoravam, antecipadamente, o título no estádio Castelão. Como eu escrevi logo após o jogo, foi um jogo digno de uma decisão, com todos os ingredientes que uma decisão merece. O Moto, jogando pelo empate, queria fechar a conquista do título com chave de ouro e para isso saiu em busca de mais uma vitória. Por outro lado, o Imperatriz, desacreditado por quase todos, lutou até o último instante, acreditando que poderia sair do Castelão com a conquista do terceiro título da sua história. O jogo se apresentava favorável ao Papão, que abriu o placar, ainda, na primeira etapa, através do imperatrizense, Léo Paraíba. Na volta para a etapa final, o Imperatriz colocou Adauto no lugar de Marcos Paullo e o time foi com tudo em busca do empate, alcançado aos 9 minutos, em uma cabeçada de Sousa Tibiri. Na sequência o Moto teve um pênalti, duvidoso, e fez 2 x 1, mas em seguida Lucas Campo empatou, novamente. Quando tudo se encaminhava para o empate, Adauto, aos 47 minutos, aproveitou chute cruzado de Júnior Chicão e empurrou para a rede, fazendo o gol da vitória e do título. Mais uma vez o futebol mostrou porque é apaixonante. 

Acompanhei...
...com calma, o VT dos melhores momentos do jogo entre Moto 2 x 3 Imperatriz. Longe da adrenalina e da emoção que somos tomados no momento do jogo, olhamos coisas que são, quase, impossíveis, de serem vistas no momento do jogo, a olho nu. Por exemplo, o goleiro Jean foi decisivo em dois lances, quando o placar estava empatado em 2 x 2. Primeiro a defesa em uma cabeça, a queima roupa, onde se misturou susto com reflexo, e o goleiro do Imperatriz conseguindo colocar a bola para escanteio; a outra, um chute cruzado da direita, onde ele conseguiu fazer a defesa com o braço direito e na sobra o atacante do Moto cabeceou pra fora. Essas duas defesas foram tão importantes quantos os gols marcados pelo Imperatriz. Outro detalhe passado despercebido: o pênalti marcado para o Moto foi, no mínimo, duvidoso. Confesso que vi, e por mais que eu repetisse o lance, Lucas Campos tocando, apenas, na bola, mas o árbitro marcou pênalti. Na minha opinião, mal marcado e que poderia ter decidido o título, já que o Moto fez 2 x 1 na oportunidade. No último gol do Imperatriz, o da vitória e, consequentemente, do título, dois detalhes: primeiro, o chute de Júnior Chicão entraria, mesmo que Adauto não tocasse na bola; segundo, no mínimo duvidosa a posição do camisa 9 do Imperatriz no momento em que Matheus Lima raspou de cabeça. Se tivéssemos o VAR, certamente ele seria acionado, como, também, seria acionado no pênalti mal marcado.  

Algumas...
...observações nos títulos do Imperatriz e nos confrontos com o Moto Club sejam em decisões de títulos ou de vagas. Sobre os títulos, o Cavalo de Aço foi campeão no estádio Nhozinho Santos, em São Luís (2005 contra o Moto), no Frei Epifânio (2015 contra o Sampaio) e no Castelão (2019 contra o Moto). No confronto entre Imperatriz e Moto, o time que tinha a vantagem, sempre perdeu. Em 2005, o Moto tinha a vantagem: perdeu em Imperatriz por 4 x 2 e em São Luís por 3 x 2; em 2018, o Imperatriz tinha a vantagem: perdeu em São Luís por 3 x 0 e venceu em Imperatriz por 2 x 1; este ano, o Moto tinha a vantagem: empatou em Imperatriz 0 x 0 e perdeu em São Luís, por 3 x 2; e na Série D do ano passado, valendo classificação nas oitavas de final, o Moto tinha a vantagem: perdeu em Imperatriz por 2 x 1 e em São Luís, por 4 x 2. Vale registrar, também, que a cidade de Imperatriz é a única do interior a ter quatro títulos estaduais: três com o Cavalo de Aço (2005, 2015 e 2019) e um com o JV Lideral (2009). Em 2005, o presidente foi Nilson Takashi; em 2015, José Carneiro (Buzuca) e em 2019, Adauto Carvalho. O presidente do JV Lideral foi Valter Lira. Outro registro: Daniel Barros é o único jogador de Imperatriz a conquistar três estaduais: 2009 (JV Lideral), 2015 e 2019 (Imperatriz). Jean e Júnior Chicão estavam nos títulos de 2015 e 2019.

A conquista...
...do Campeonato Maranhense deve e merece ser comemorado por muito tempo pela torcida do Imperatriz. Mas enquanto ela comemora, a diretoria do time precisa correr atrás e apresentar os reforços para o Campeonato Brasileiro da Série D, onde o time estreia no outro sábado (27), contra o Globo-RN, aqui em Imperatriz. O representante do Rio Grande do Norte não chegou a final do Campeonato Potiguar e com isso está tempo de sobra para montar seu time para a Série D. Com a decisão do Maranhense uma semana antes da maioria dos outros estaduais, o Cavalo de Aço tem 15 dias para reforçar o time para a Série D. Até o momento, apenas o lateral esquerdo, Aélson, e o atacante, Val Barreto, estão contratados, inclusive treinando. Informações oficiosas dão conta de que o Imperatriz já estaria acertado com mais quatro jogadores, mas os nomes não foram revelados. Chegaram a citar um lateral direito. Aí me pergunto: como, se o time tem dois laterais (Gabriel Paulino e Jonas), esse último, inclusive, só fez um jogo no estadual? Na verdade vejo a necessidade de dois zagueiros, um camisa 10 e dois atacantes de lado.

Estaduais: Imperatriz 1º campeão estadual em 2019

Imperatriz - Campeão Maranhense de 2019.
Imperatriz - O Campeonato Maranhense de Futebol foi o primeiro do Brasil a conhecer o campeão estadual em 2019. A Sociedade Imperatriz de Desportos (Cavalo de Aço), venceu o Moto Club, por 3 x 2, na tarde/noite de sábado (13), em São Luís, com gol do atacante Adauto aos 47 minutos do etapa final. Como as duas equipes empataram no primeiro jogo (0 x 0), o Imperatriz ficou com o título com a vitória sobre o Moto, no Castelão.

Piauí
O estado do Piauí, também, conheceu o campeão de 2019 na tarde de domingo. O River, da capital, que já havia vencido o Altos, no primeiro jogo por 3 x 2, voltou a vencer no domingo, por 3 x 0 e carimbou o titulo estadual deste ano.

Outros
Os quatro principais campeonatos estaduais (Carioca, Paulista, Gaúcho e Mineiro), conhecem seus campeões nesta semana. No Rio Grande do Sul, Inter e Grêmio empataram (0 x 0) no primeiro jogo final. O segundo jogo está programado para esta quarta-feira (17), na Arena do Grêmio, onde o vencedor levanta o título. O jogo acontece no meio de semana porque ambas as equipes vão jogar na terça-feira da outra semana na Libertadores.

No Rio de Janeiro, com dois gols de Bruno Henrique, o Flamengo deu um grande passo para ficar com o título após a vitória por 2 x 0, sobre o Vasco, no primeiro jogo da decisão, no estádio Nilton Santos. O Rubro Negro pode perder, até, por um gol de diferença que, ainda, assim será o campeão Carioca. O segundo jogo acontece no domingo (21), às 16h, no Maracanã. Em São Paulo, São Paulo e Corinthians empataram, sem gols, na primeira partida da decisão do Paulista, no Morumbi. As duas equipes voltarão a campo, no domingo (21), na Arena do Corinthians e o vitorioso ergue a taça. Por último, o Cruzeiro, que venceu o Atlético, no primeiro jogo da decisão por 2 x 1, no Mineirão, pode sagrar-se campeão com um empate no segundo jogo, no sábado, às 16h30.

Assista os gols do domingo, nas principais decisões dos estaduais, no vídeo abaixo:

Jogador dá chapéu no Moto e se apresenta no Sampaio

Everton (branco) com a camisa do Cascavel.
(Foto: Divulgação)

São Luís - Após insucesso na Copa do Nordeste e Campeonato Maranhense, o Sampaio Corrêa já está focado no Campeonato Brasileiro da Série C, onde tem estreia marcada para o domingo (28), contra o Confiança, no estádio Batistão, às 16h, em Aracaju-Sergipe.

Após confirmar a permanência do técnico Julinho Camargo, a diretoria do Tricolor não perdeu tempo e já anunciou os três primeiros reforços para o restante da temporada. O lateral Everton Silva, o meia Neto e o atacante Mateus são as novidades para o início da competição nacional.

Chapéu
Dos três reforços anunciados pelo Sampaio, o meia Neto, de 21 anos, que foi destaque no Pinheiro no estadual, protagonizou o que se chama de “chapéu” no futebol. O joga havia sido anunciado pelo Moto após a decisão com o Imperatriz, mas acabou acertando com o Sampaio. Ele marcou um gol, dos seis da equipe da Baixada.

O lateral direito Everton Silva, de 25 anos vem do Cascavel-PR, onde disputou oito jogos no Campeonato Paranaense. Ele iniciou sua carreira no Ferroviário, do Ceará, além de passagens no Icasa, Guarani de Juazeiro, ambos do Ceará, Vitória, América-RN, AA e Sinop-MT. Por fim, o atacante Mateus, 21 anos, que passou pelas categorias de base de Corinthians, Inter e Figueirense e chega como uma aposta para o ataque tricolor.

Dispensas
Com chegadas de reforços, o Sampaio, também, está liberando alguns jogadores que não corresponderam. Casos dos volantes Patrick Mota e Tom Abreu. Outros jogadores devem deixar o clube antes do início da Série C.

MAC dispensa 8 e acerta com Róbson Simplício para a Série D

Róbson Simplício, com as mãos na cintura, está de volta ao futebol maranhense.
(Foto: Vital Florêncio) 
São Luís - O Maranhão Atlético Clube (MAC) anunciou o terceiro reforço para o Campeonato Brasileiro da Série D de 2019. O volante Róbson Simplício, de 32 anos, que já passou no Moto, Sampaio e Imperatriz é o novo reforço do Tricolor para o restante da temporada. Esta é a quinta passagem do jogador pelo futebol maranhense. Róbson Simplício estava no Ferroviário, onde disputou o Campeonato Cearense.

Antes de Róbson Simplício, o Maranhão já havia anunciado o lateral direito Vivico, de 22 anos, e o goleiro Mateus, de 21. Os dois jogadores já estão treinando no Parque Valério Monteiro. Além dos três reforços, o MAC deve contratar um meio campo e dois atacantes para a Série D, onde a equipe estreia dia 5 de maio, contra o Altos-PI, no estádio Castelão, em São Luís.

Dispensas
Para poder reforçar o time, a diretoria do Maranhão precisou dispensar alguns jogadores que não corresponderam às expectativas no Campeonato Maranhense. Entre eles, o goleiro André, os laterais Lesson e Thiaguinho, o zagueiro Bruno Bacabal, os meias Felipe e Carlinhos Farias e os atacantes Bruno Chocolate e Luís Felipe. 

Dos jogadores dispensados, Felipe atuou com maior frequência na reta final do Campeonato Maranhense, mas disputou apenas quatro jogos ao longo da temporada. Bruno Chocolate assinou contrato após a saída de Afonso e marcou apenas um gol e deu duas assistências nos quatro jogos que disputou pelo time atleticano. Carlinhos Farias chegou com expectativa para ser titular, mas sofreu uma lesão na reta final da pré-temporada e perdeu a vaga para Deylon, disputando apenas um jogo ao longo do Estadual. Os demais foram reservas durante o estadual, pouco aproveitados no elenco.

Elenco para a Série D
Goleiros: Rodrigo Ramos e Mateus;
Laterais: Denílson, Vivico e André Radija;
Zagueiros: Lucas, Anderson Alagoano e Maycon;
Volantes: Robson Simplício, Willian Dantrol, Rodrigo e Abu;
Meias: Deylon e Jefferson Abreu;
Atacantes: Marciano, Maurício e Cleber Pereira.

Diretoria do Moto volta atrás após anunciar demissão do treinador

Wallace Lemos, técnico do Moto Club, de São Luís.
(Foto: Zeca Soares)
São Luís - A derrota por 3 a 2 diante do Imperatriz e, consequentemente, a perca do titulo estadual, custou a demissão do técnico Wallace Lemos do Moto Club. Mas em menos de 24 horas, a diretoria do Rubro-Negro mudou de decisão e conversou com o treinador, que permanece para a Série D. 

Em uma extensa entrevista, concedida a uma emissora de rádio da capital, o treinador revelou a forma como recebeu a notícia e posteriormente a reunião que selou sua permanência no clube. – “De sábado para domingo recebi uma mensagem do presidente que ele iria trocar toda a comissão técnica e precisava fazer alguns ajustes. Estava tudo acertado para que eu saísse. No domingo pela manhã, houve uma nova conversa, com outra forma para ver o planejamento e o presidente falou que queria continuar com o trabalho. Ajustamos as situações de que era o melhor para o Moto, pelo trabalho que está sendo feito e pelo que está sendo proposto, mas tudo isso passa por vitórias, sabemos disso” – disse Wallace.

O jogo decisivo ainda dói na memória do treinador. O gol do Imperatriz saiu aos 47 minutos do segundo tempo, após uma bola lançada do campo defensivo para a grande área do Rubro-Negro e que terminou sobrando para Adauto selar a virada do Cavalo de Aço. Para Wallace Lemos, Deus é a única explicação para o time ter perdido o título no minuto final do campeonato. – “Infelizmente não conseguimos o título, quando estava tudo encaminhado na partida. O que falei para os jogadores e é o que estou me pegando, é que não era para ser nosso. Só Deus pode explicar essa situação e a gente não pode ir contra a vontade dele. Aqui as ações são nossas, mas tudo é comandado por ele. É onde fui buscar uma definição para aquele momento. Uma equipe que leva dois gols em todo o torneio e em 45 minutos leva três gols e erramos tudo que é básico, só um comando maior isso pode acontecer” – tentou explicar o treinador.

Sobre a mudança na decisão da diretoria sobre sua demissão, Wallace Lemos pontua o trabalho acumulado ao longo dos quatro meses no Moto Club como fundamental para sua permanência. Nesse período, foram 21 jogos disputados, com 11 vitórias, oito empates e apenas duas derrotas, diante do ABC na segunda fase da Copa do Brasil, e diante do Imperatriz na decisão do Campeonato Maranhense. – “Isso é coisa corriqueira, o planejamento passa por resultado. Nosso presidente só voltou atrás na decisão porque foi dado esse histórico do que foi feito no dia a dia e no jogo a jogo. Continuo porque acredito no projeto, porque todo mundo sabe que a gente tinha propostas para deixar o clube. Eu deixei bem claro que a hora que eu me sentir constrangido ou perder minha autoridade, eu entrego meu boné e vou embora. Enquanto estou no comando, o comando técnico de planejamento é meu. Será assim enquanto eu estiver e a nível de resultado, eu deixo bem claro que isso é normal”.

Para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série D, o elenco ganha 15 dias de folga e a partir da próxima quarta-feira reinicia os treinamentos. O Rubro-Negro estreia fora de casa, contra o Atlético de Roraima.

Fonte: GE Maranhão.

Com gol no fim, Imperatriz conquista o Maranhense

Jogadores do Imperatriz comemoram o titulo de campeão Maranhense de 2019.
(Foto: Carloto Júnior)
São Luís - Moto e Imperatriz fizeram um jogo digno de uma final no fim da tarde e início da noite de sábado (13), no estádio Castelão, em São Luís.

No segundo jogo da final do Campeonato Maranhense, por ter feito melhor campanha, o Moto precisava de um empate para ser campeão já que havia empatado o primeiro jogo em 0 x 0, em Imperatriz. O Rubro-Negro chegou a abrir o placar aos 34 minutos, quando o atacante Léo Paraíba aproveitou cruzamento da direita e de cabeça fez Moto 1 x 0, placar da primeira etapa.

2º tempo
Na etapa final, o Cavalo de Aço voltou com Adauto no lugar de Marcos Paullo. Sabendo que só a vitória lhe daria o título, o Imperatriz foi para o ataque e, aos 9 minutos, Sousa Tibiri empatou, também, de cabeça. O Moto sentiu o gol e o Imperatriz foi pra cima, mas levou o contra golpe aos 21, quando Lucas Campos, tirou a bola de Gleisinho, mas o árbitro viu falta do atacante cavalino e marcou pênalti. O lateral-esquerdo Matheus Mendes cobrou e fez 2 x 1 para o Rubro-Negro. A partir daí, o Moto cometeu um grande erro, achando que o placar estava definido e quis administrar o resultado, além de não conseguir aproveitar os contra-ataques.

Como o resultado não interessava, o Imperatriz partiu para tudo ou nada e acabou sendo premiado. Aos 23, Lucas Campos se redimiu do pênalti. Júnior Chicão cruzou da direita e, de peixinho, o camisa 11 empatou em 2 x 2. 

A torcida do Moto Club já comemorava o título, quando o Imperatriz fez o gol do título. Aos 47 minutos, novamente Júnior Chicão participou da jogada. Ele aproveitou desvio de cabeça de Matheus Lima, e dentro da área, do lado esquerdo, chutou cruzado e a bola ia entrar, mas Adauto fechou pelo outro lado e empurrou a bola para dentro fazendo o gol da vitória e do título. O Moto não teve mais tempo e o jogadores do Imperatriz comemoram o título, em pleno Castelão.

Com a vitória, de virada, por 3 x 2, o Imperatriz conquistou seu terceiro título na história (2005, 2015 e 2019). Com o título, o Cavalo de Aço garantiu participação na Copa do Nordeste de 2020.

Assista, no vídeo abaixo, os melhores momentos de Moto 2 x 3 Imperatriz.

quarta-feira, 10 de abril de 2019

Decisão! Imperatriz recebe o Moto na 1ª partida da final do Maranhense


Imperatriz - Imperatriz e Moto Club, de São Luís, começam a decidir o título do Campeonato Maranhense de 2019, na noite desta quarta-feira (10), a partir das 20h15, no estádio municipal Frei Epifânio da Badia. Por ter realizado melhor campanha, o Rubro Negro maranhense decide com a vantagem do empate no placar agregado, além de realizar a partida de volta na capital do estado.

Imperatriz
No Cavalo de Aço, que eliminou o Sampaio nas semifinais, o técnico Ruy Scarpino não vai contar com o meio campo Daniel Barros, suspenso pelo 3º cartão amarelo. Ele, ainda, não sabe se vai poder contar com o volante/zagueiro, Diogo Oliveira, e o lateral/meia Jeff Silva. Os dois estão entregues ao departamento médico. No mais, todos os outros jogadores estão a disposição.

Moto Club
O Rubro Negro maranhense não tem problemas para escalar força máxima na primeira partida da final do Campeonato Maranhense. O volante Lucas Hulk retorna ao time titular após cumprir suspensão automática no segundo jogo com o MAC. Com isso, o treinador Wallace Lemos deve escalar força máxima no Moto Club. O atacante Dalmo é o único jogador que se encontra no DM do clube. O Papão deixou a capital maranhense após o almoço de segunda-feira. O time tinha treino programado em Imperatriz.

Transmissão
Imperatriz x Moto será transmitido pelas rádios Mirante FM (95,1) com Marcelo Rodrigues e Ari Aragão; Nativa FM (99,5), com Vidal Moreno e Frederico Luis/Mariano Neto e FM Terra (100,3), na narração de Sérgio Rodrigues e comentários de Itamar Alves.

Ficha Técnica
Jogo – Imperatriz x Moto (Campeonato Maranhense – Final – ida)
Local – Frei Epifânio (Imperatriz-MA)
Horário – 20h15 (Brasília)
Árbitro – Paulo José Souza Mourão (São Luís)
Ass. 1. – Elson Araújo Silva (São Luís)
Ass. 2. – Raelson Araújo (São Luís)
4º Árb. – Ranilton Oliveira de Sousa (Imperatriz)
5º Árb. – Gercino Menegussi Neto (Imperatriz)
Adic. 1. – Adriana Oliveira Carvalho (Imperatriz)
Adic. 2. – Alef das Chagas dos Santos Silva (Imperatriz)

Imperatriz
Jean; Gabriel Paulino, Tomais, Renan Dutra e Renan Luis; Sousa Tibiri, Xaves e Marcos Paullo; Lucas Campos, Júnior Chicão e Adauto.
Técnico: Ruy Scarpino.

Moto
Rodolfo; Diego Renan, Lucas Dias, Alisson e Matheus Mendes; Lucas Hulk, Naílson e Juninho Arcanjo; Léo Paraíba, Evandro Russo e Márcio Diogo.
Técnico: Wallace Lemos.

Grêmio precisa vencer para se recuperar na Libertadores

Porto Alegre - Em situação complicada na fase de grupos da Copa Libertadores da América, o Grêmio busca retomada imediata a partir das 21h30 desta quarta-feira, quando recebe o Rosario Central na sua Arena, em jogo válido pela quarta rodada da fase de grupos. Os comandados de Renato Gaúcho precisam de um resultado positivo para manter chances de classificação. Em três partidas, o Grêmio conquistou somente um ponto até então – justamente contra esse mesmo Rosario Central, na Argentina. Desde então, foram duas derrotas, contra Libertad e Universidad Católica, respectivamente. Por isso, o clima é de remobilização total – o que repercutiu na escalação. Luan, por exemplo, foi afastado por defasagem física.

Lanterna do grupo, com saldo inferior ao Grêmio, o Rosario tem pouca ambição para o duelo de logo mais. O time viajou para o Brasil repleto de desfalques e deve lutar somente por um empate fora de casa.

Transmissão
RBS TV para o RS (com Luciano Périco, Maurício Saraiva e Paulo Nunes). 

Grêmio
O Grêmio vem modificado em relação ao time derrotado pela Universidad Católica no Chile. Em busca de maior controle no meio-campo, Matheus Henrique entra na vaga de Michel. A maior dúvida fica por conta do substituto de Luan. Jean Pyerre é o favorito da função, mas pode dar lugar a Diego Tardelli, que treinou também na ponta direita e pode aparecer por ali na vaga de Alisson.
Desfalques
Luan (afastado para recondicionamento físico) e Marcelo Oliveira (submetido a cirurgia no joelho direito).

Rosario Central
O técnico Diego Cocca terá inúmeros desfalques para esse confronto, assim como poupará uma leva de atletas. Ou seja, apostará em um time basicamente reserva para o duelo com o Grêmio. Em relação à formação que iniciou o primeiro confronto contra o Tricolor, somente quatro estarão: o goleiro Ledesma, o lateral-direito Molina, o zagueiro Barbieri e o meia-atacante Aguirre.
Desfalques
Matías Caruzzo, Allione, Gonzalo Bettini e Leonardo Gil estão lesionados. Ortigoza, Camacho, Rinaudo e Zampedri foram poupados.

Ficha Técnica
Jogo – Grêmio x Rosário Central (Libertadores – 4ª Rodada)
Local – Arena do Grêmio (Porto Alegre-RS)
Horário – 21h30 (Brasília)
Árbitro – Andres Rojas (Colômbia)
Ass. 1. – Wilmar Navarro (Colômbia)
Ass. 2. – John Alexander Leon (Colômbia)

Grêmio
Paulo Victor; Leonardo, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Matheus Henrique, Maicon e Jean Pyerre; Alisson, André e Everton.
Técnico: Renato Gaúcho.

Rosário Central
Ledesma; Molina, Barbieri, Recalde e Parot; Villagra, Ojeda e Pereyra; Barrera, Herrera e Aguirre.
Técnico: Diego Cocca.

Fonte: Globo.com

Palmeiras troca o chip e recebe o Jr Barranquilla pela Libertadores

Arena Allianz Parque palco de Palmeiras e Júnior Barranquilla, nesta quarta.
(Foto: Marcos Ribolli) 
São Paulo - O Palmeiras recebe o Junior Barranquilla, da Colômbia, nesta quarta-feira (10), na Arena, às 21h30 (horário de Brasília), pela quarta rodada do Grupo F da Copa Libertadores da América. Com seis pontos, o Verdão tenta se aproximar da vaga para as oitavas de final da competição sul-americana (o San Lorenzo lidera a chave com dez pontos). Será, também, o jogo número 50 de Felipão desde o seu retorno ao clube (ele é o segundo treinador que mais vezes dirigiu o clube, com 456 partidas). O Junior ainda está zerado na Libertadores (foram três derrotas nos três jogos do primeiro turno). Os colombianos estão no Brasil desde a semana passada e jogam a vida na competição. Em 2018, o Verdão também eliminou o time de Barranquilla da fase de grupos.

Transmissão
Palmeiras x Júnior Barranquilla terá transmissão ao vivo da TV Globo para SP, MG (menos região de Juiz de Fora), GO, TO, MS, MT, BA, SE, AL, AC, MA e PA, com narração de Cleber Machado e comentários de Caio Ribeiro e Casagrande. O SporTV transmite ao vivo para todo o Brasil com Milton Leite, Muricy Ramalho e Mauricio Noriega.

Palmeiras
O discurso do Palmeiras após a eliminação no Campeonato Paulista foi o de virar a chave rapidamente e focar na evolução da equipe na Libertadores. Nesta quarta-feira, Felipão tenta fazer o Verdão reencontrar o caminho dos gols (já são três jogos sem marcar), o que igualou sequência negativa de 2015. Por outro lado, o desempenho defensivo continua sendo motivo de destaque.
Fora
Carlos Eduardo e Guerra (no departamento médico).

Junior Barranquilla
Atual vice-campeão da Sul-Americana, o Junior Barranquilla corre o risco de se despedir da Libertadores na fase de grupos pelo segundo ano consecutivo. Depois de perder para Palmeiras, San Lorenzo e Melgar, o time colombiano precisa vencer em São Paulo para continuar com chances de classificação para o mata-mata.
Fora
Luis Ruiz, Deivy Balanta e James Sánchez (em recuperação de problemas físicos).

Ficha Técnica
Jogo – Palmeiras x Jr. Barranquilla (Libertadores – 4ª Rodada)
Local – Allianz Parque (São Paulo-SP)
Horário – 21h30 (Brasília)
Árbitro – Roberto Tobar (Chile)
Ass. 1. – Raul Orellana (Chile)
Ass. 2. – Edson Cisternas (Chile)
4º Árb. – Cristian Garay (Chile)

Palmeiras
Weverton; Marcos Rocha, Luan. Gustavo Goméz e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Ricardo Goulart; Gustavo Scarpa, Deyverson e Dudu.
Técnico: Felipe Scolari.

Júnior Barranquilla
Viera; Piedrahita, Ditta, Rafael Pérez e Gutiérrez; Narváez, Cantillo e Matías Fernández; Sambueza, Téo Gutiérrez e Luis Dias.
Técnico: Luis Fernando Suarez.

Fonte: Globo.com

Federação informa alteração no horário do segundo jogo da final

Moto Club espera bom público no sábado com a mudança do horário do jogo.
(Foto: Gaudêncio Carvalho) 
São Luís - Quando se pensava que a tabela do Campeonato Maranhense não teria mais alteração, eis que para não passar em branco, a Federação Maranhense de Futebol (FMF) informa que o segundo jogo da decisão, entre Moto Club x Imperatriz, no sábado, tem horário alterado.

O Moto Club deu entrada junto a FMF, pedido de alteração no horário do jogo de sábado das 16 para às 19h. Por conta da logística do Imperatriz, a Federação indeferiu o pedido. O Rubro Negro fez novo pedido de mudança das 16 para às 17h, no que foi atendido. Com isso, o segundo jogo da decisão, entre Moto Club x Imperatriz, está confirmado para às 17h, de sábado (13), no estádio Castelão, em São Luís.

Ingressos
Diferente do Imperatriz, o Moto Club definiu por preços mais baixos para o jogo da volta, em São Luís. O setor 1 custa R$ 20 e o coberto, R$ 40 reais, com meias para os dois setores. 

Até esta quarta-feira (10), a venda se concentra na loja do próprio clube, na Avenida Beira-Mar, no centro da capital. A partir de quinta (11), os ingressos poderão ser comprados também nas bilheterias dos estádios Nhozinho Santos e Castelão; loja “O Torcedor”, no Shopping da Ilha; lojas Marcelo Surf (Cidade Operária e Cohab) e Luiza Variedades, na Rua Grande, no centro.