Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Bastidores da política desta quarta...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição deste quarta-feira, 26 de agosto de 2015.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
26 de agosto de 2015

Veto
A votação de um veto do prefeito Sebastião Madeira a um projeto de lei sobre containers, de autoria do vereador Carlos Hermes (PCdoB), causou polêmica na sessão de ontem. Em votação secreta, dos 17 vereadores presentes 13 foram a favor do veto e apenas 4 contra. Mas o presidente da Câmara, José Carlos Barros, deu como derrubado o veto. Pregando o Regimento Interno, informou que o número não foi suficiente para manter o veto. O líder do Governo, João Silva, protestou, mas Zé Carlos manteve a sua decisão. “Se quiser, que a assessoria jurídica da Prefeitura recorra”, afirmou o presidente. O projeto faz várias exigências, como sinalização das caçambas de coleta de entulho, o tráfego destes veículos e a ocupação de containers em vias públicas.

Prego batido
Na sessão de ontem, o vereador Hamilton Miranda usou a tribuna para anunciar que deixou o PSD. “Conversei com o Cláudio Trinchão (presidente estadual da sigla) e fui liberado”, afirmou Hamilton, que com a permissão do partido não corre risco de perder o mandato por infidelidade partidária. O vereador avisou que somente em setembro é que definirá o novo partido. Como ele está decidido a apoiar o pré-candidato a prefeito Clayton Noleto, escolherá uma sigla que estará no arco de aliança encabeçado pelo PCdoB.

Também
Outro vereador que aproveitou a sessão de ontem para anunciar a troca de partido foi Antonio Pimentel, que disputará a oitava eleição. Ele observou que está livre para se filiar a qualquer partido, e que não está preocupado se “nesse ou naquele” é fácil ou difícil de se eleger. “Isso não me preocupa. O importante é ir atrás do voto. Já vi candidato procurar partido pequeno e, embora com votação suficiente, não se elegeu por falta de coeficiente eleitoral”, exemplificou Pimentel, citando o caso de João Silva e de Manoel Cecílio.

Não é
A direção municipal do PDT informou ontem que o ex-vereador Alberto Souza não se filiou ao partido, como vem sendo noticiado. Mas Alberto faz questão de anunciar que é o representante do deputado federal Weverton Rocha em Imperatriz. Rocha é o homem forte do PDT no estado. Comenta-se que Alberto Souza poderá se filiar ao PCdoB.

Outro rumo
Ontem, dirigente do PROS descartou a filiação ao partido do secretário municipal de Educação, Zesiel Ribeiro. Saindo do PPS, consta que ele deverá se abrigar no ninho tucano, o PSDB.

E...
Perguntada se vai deixar o PSDB, a vereadora Caetana Frazão disse que “não sabe”. De acordo com as especulações, ela iria para o PSB. Uma fonte de outro partido que esteve conversando com Sebastião Madeira revelou que o prefeito não perdoará quem deixar o PSDB. “Ele deixou claro que quem sair não terá nenhum tipo de apoio seu”, comentou a fonte.

Ele disse
-    No quartel do Exército no Maranhão, me pronunciei sobre atitude da Força de não acolher absurda proposta de “intervenção militar”. Enalteci que, na quadra presente, o Exército se mantém leal à Constituição e às leis, apesar de vozes delirantes de poucos nas ruas.
A afirmação é do governador Flávio Dino, que participou, ontem, da solenidade em comemoração ao Dia do Soldado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário