JOSÉ AUGUSTO - 10 DE MAIO

JOSÉ AUGUSTO - 10 DE MAIO

Rádio MDB Brasil Nacionais

segunda-feira, 1 de abril de 2019

Coluna Na Marca do Pênalti desta segunda....

Imperatriz - Confira os tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", desta segunda-feira, 1º de abril de 2019, do "Jornal Correio", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna na Marca do Pênalti
1º de abril de 2019

Flamengo campeão!
Mesmo jogando com um time totalmente reserva inclusive o técnico, já que Abel Braga sofreu uma cirurgia e não pôde comandar a equipe, o Flamengo empatou com o Vasco, em 1 x 1, e acabou, conquistando o título da Taça Rio (2º turno) nas penalidades máximas. O jogo teve dois tempos distintos. No primeiro, o Flamengo esteve mais próximo de fazer seu gol, principalmente, em chutes de Vitinho de fora da área. Na segunda, foi a vez do Vasco, que inclusive abriu o placar logo no início do 2º tempo, através do jovem atacante Tiago Reis, de cabeça. Com a vantagem no placar, o Vasco deu espaço ao Flamengo, que apertou em busca do empate, o que acabou acontecendo nos acréscimos, através do Uruguai, Arrascaeta, também, de cabeça. Com o empate, o titulo da Taça Rio foi definido nas penalidades máximas. Fernando Miguel, do Vasco defendeu a cobrança de Rodinei, já César defendeu a cobrança de Tiago Reis, enquanto Rossi e Werley chutaram pra fora. Com o placar de 3 x 1, o Flamengo conquistou o 2º turno do Carioca e forçou uma semifinal com as 4 equipes: Flamengo x Fluminense e Vasco x Bangu, com Flamengo e Vasco jogando pelo empate. Os classificados decidem o título do estadual, em dois jogos.

Em São Paulo...
...o Palmeiras e o Corinthians deram o primeiro passo para a classificação para a final do Campeonato Paulista. No sábado, São Paulo e Palmeiras empataram, sem abertura no placar. O Verdão saiu chiando por conta de uma penalidade marcada a seu favor, em cima de Dudu, mas o árbitro voltou atrás após consultar o Árbitro de Vídeo (VAR). As duas equipes criaram, chutaram bola na trave, mas ficaram no 0 x 0. Voltam a se enfrentar no próximo domingo, desta feita com mando de campo do Palmeiras. Nov empate, decisão da vaga nos pênaltis. O vitorioso se classifica para a final. No domingo, goi a vez do Corinthians fazer valer o mando de campo e vencer o Santos por 2 x 1, com gols de Manuel e Clayson. Gonzalez marcou para o Peixe. As duas equipes voltarão a campo na próxima segunda-feira, no Pacaembu, com o Corinthians jogando pelo empate. Se o Santos vencer por 1 gol de diferença, decisão nos pênaltis. Só a vitória por 2 gols de diferença classifica o Peixe. Pela lógica, Palmeiras e Corinthians são os favoritos para chegarem à final do Paulista. Como, no futebol, o favoritismo só existe fora das 4 linhas, prefiro esperar o resultado final para conhecer os dois finalistas.

Em Minas e no...
...Rio Grande do Sul, os grandes deram o primeiro passo para chegarem à final dos seus, respectivos, estaduais. Jogando fora de casa, o Atlético Mineiro empatou com o Boa Esporte (0 x 0), enquanto o Cruzeiro venceu o América por 3 x 2. No próximo fim de semana tem os jogos da volta. O Galo recebe o BOA, com total favoritismo, enquanto a Raposa recebe o Coelho. Só uma zebra das grandes para Atlético e Cruzeiro não estarem na final do Mineiro. O mesmo panorama está no Rio Grande do Sul. Jogando na casa do adversário, o Inter venceu o Caxias (2 x 1), enquanto o Grêmio empatou (0 x 0), com o São Luiz. Os pequenos do Rio Grande do Sul costumam a surpreender, mas acho a missão bem difícil dessa vez. Não consigo ver Inter e Grêmio sendo derrotados dentro de casa por Caxias e São Luiz, respectivamente. Apesar de favoritismo não entrar em campo, esses são jogos que eu apostaria todas minhas fichas. Pelo andar da carruagem, termos mais uma final no Sul entre Grêmio x Inter, o famoso Gre-Nal.

Chegou a hora...
...para o Cavalo de Aço mostrar se, realmente, tem time para conquistar o Campeonato Maranhense. O time começa a decidir vaga na final do estadual na noite desta terça-feira (2), em São Luís, contra o Sampaio Corrêa que, mesmo eliminado da Copa do Nordeste, com uma rodada de antecedência, não deixou de ser a grande equipe no futebol do Maranhão. Nessa decisão, o Imperatriz tem a vantagem do empate de fazer o segundo jogo em casa, mas precisa saber usá-la para não acontecer o que aconteceu na final do estadual no ano passado. O jogo desta terça-feira pode ser decisiva para as duas equipes. Se o Cavalo de Aço conseguir o empate ou, até mesmo, perder por diferença de 1 gol, tem grande chances de se classificar no jogo da volta, no sábado, no Frei Epifânio. O que não pode acontecer é o time perder por 2 ou mais gols de diferença, como aconteceu na decisão do estadual do ano passado, contra o Moto. O equilíbrio é a principal arma do Imperatriz, ou seja, nem ficar muito na defesa, mas, também, não se atirar para o ataque. Se conseguir esse equilíbrio, terá grande chance de voltar com um bom resultado. Por isso eu digo: chegou a hora da verdade para o Imperatriz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário