Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

quinta-feira, 10 de março de 2016

Bastidores da política desta quinta...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta quinta-feira, 10 de março de 2016.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
10 de março de 2016

Desistiram?
O PCdoB elegeu dois vereadores – Carlos Hermes e Marco Aurélio, que depois cedeu a cadeira para Adonilson Lima ao se eleger deputado. O partido pretendia chegar às eleições com cinco vereadores, fazendo as filiações de Caetana Frazão, Bispo Eudes e Enoc Serafim, tornando-se assim a maior bancada na Câmara Municipal de Imperatriz. Mas ontem surgiu a informação de que Eudes e Enoc teriam desistido de ir para o PCdoB. O primeiro estaria a caminho do PRB e o segundo para o PSDB. Na terça-feira pela manhã, conversando com jornalistas, Enoc demonstrou estar indeciso quanto à sua filiação ao partido comunista. E ontem revelou-se que ele teria decidido ir para o ninho tucano.

Olha aí
O Democratas (DEM) poderá ter a maior bancada na Câmara. Já com dois vereadores, Antonio José e Richard Wagner, o partido ganhou Esmerahdson de Pinho. E há a possibilidade de ganhar Buzuca e Terezinha Soares, que estariam saindo do PSDB, também. Com isso, o DEM passaria a ter cinco vereadores. No caso de Buzuca, caso não vá para o partido, o seu caminho seria o PP.

E...
Se for mantido o quadro que está sendo desenhado, a situação dos partidos ficaria assim na reta final da atual legislatura: PCdoB – Carlos Hermes, Adonilson e Caetana (oriunda do PSDB); DEM – Antonio José, Richard, Esmerahdson, Buzuca e Terezinha, os três últimos eleitos pelo PSDB; PMDB – Fátima Avelino, Hamilton (ex-PSD) e Fidelis Uchoa (ex-PRB); PR – Chiquim da Diferro e Eudes (eleito pelo PTdoB); PSDB – Enoc Serafim (ex-PDT); PV – Zé Carlos (ex-PTB); João Silva (PRB); PSL – Roma; SD – Rildo Amaral (ex-PDT); PT – Aurélio; PTB – Zé da Farmácia; PDT – Pimentel (ex-DEM).

Explicando
Acompanhado dos vereadores Antonio José e Richard Wagner, ontem pela manhã o pré-candidato a prefeito Esmerahdson de Pinho reuniu a imprensa para falar sobre os motivos da sua saída do PSDB para o DEM. À coluna ele observou que “saio sem fissuras. Respeito o líder Madeira, sabendo da sua importância. Mas preciso caminhar com as próprias pernas e apresentar para Imperatriz um novo modelo de governar”.

PP
Já fora do PMN, que passará a ter o comando de Atenágoras Batista, o ex-prefeito Ildon Marques deverá mesmo se filiar ao PP. Especulou-se que Ildon estaria indo para o PSB, levado pelo senador Roberto Rocha, mas tem o diretório estadual, comandado por Luciano Leitoa, que não estaria interessado na sua filiação. Nem a Comissão Provisória Municipal, dirigida pela advogada Rosi Vicentini. Ildon teria passado o final de semana em Brasília conversando com o presidente estadual do PP, Waldir Maranhão, e dirigentes nacionais da sigla. Ressalte-se que o PP é o quarto partido com maior tempo no rádio e na TV.

Adhemar, filho
O ex-vereador Adhemar Alves, que exerceu seis mandatos, informou que não será candidato. O seu filho, Adhemar Jr., é que disputará uma cadeira do Palácio Dorgival Pinheiro. Adhemar diz que continua no DEM, mas o filho vai para outro partido. Jr. foi candidato nas eleições passadas e obteve 947 votos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário