Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

terça-feira, 24 de novembro de 2015

Bastidores da política desta terça....

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta terça-feira, 24 de novembro de 2015.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
24 de novembro de 2015

Transição
O comentário foi feito ontem pelo governador Flávio Dino, abordando a questão da saúde: “Desde janeiro, iniciamos transição para mudar modelo de gestão da Saúde que herdamos. Implantamos licitações e processos seletivos. O passo mais recente dessa transição é a conclusão e abertura dos Hospitais Regionais e o efetivo funcionamento da EMSERH, empresa pública. Em toda essa transição na Saúde, lutamos contra as forças do governo passado, responsável pelas barbaridades já reveladas pela Polícia Federal. Não vamos recuar ou alterar o rumo já estabelecido na Saúde desde o começo do governo: licitações, seletivos, corte de gastos abusivos. Ou seja, em menos de um ano, estamos corrigindo caos que herdamos na Saúde: fraudes, gastos abusivos, dívidas de mais de R$ 180 milhões etc.”

Otimismo
Um comunista voltou otimista da Conferência Estadual do PCdoB. Ele vê aumentarem as possibilidades do partido lançar candidato próprio à prefeitura de Imperatriz. “Não foi pedido ao PCdoB que não tivesse candidato. Foi pedido a Clayton [secretário de Infraestrutura] que continuasse no governo”, observa a fonte, acreditando que se houver mudanças no atual quadro, o partido pode lançar candidato.

Nome
A opção do PCdoB no momento seria o deputado estadual Marco Aurélio. Ele vem aparecendo bem nos levantamentos feitos sobre a preferência do eleitorado. E não é à toa que todo final de semana o deputado vem a Imperatriz participar de encontros e outros eventos políticos.

Pesquisa
A partir de 1º de janeiro estará proibida a divulgação de pesquisas sem o devido registro na Justiça Eleitoral. Ainda bem. Ultimamente estão sendo divulgadas sem ao menos citarem quem fez e quem encomendou. Não se quer duvidar dos números, até porque não estão fora da realidade. O problema é que ficam sem credibilidade, especialmente em função do eleitor já estar escaldado com esse negócio de pesquisa sem “dono”.

Olha aí!
Blogs noticiam que o delegado regional teria estabelecido seis meses para o esclarecimento da morte do professor Iron. Ainda precisa de todo esse tempo? O crime já tem mais de dois anos que foi praticado. Mas tudo bem. Melhor tarde do que nunca. É aguardar.

Investigação
A deputada Francisca Primo (PT) solicitou à Secretaria de Segurança Pública que intensifique as investigações para que seja solucionado o mais breve possível o assassinato do locutor e produtor de eventos Roberto Lano. Ele também tinha um blogue. “Peço que a Secretaria faça uma força-tarefa em Buriticupu, pois o número de homicídios aumentou assustadoramente nos últimos dias”, afirmou a deputada, cuja base eleitoral é esse município.  Ela também protocolou um requerimento de pesar pelo falecimento de Roberto Lano. “Era muito alegre e dedicado. Dificilmente o víamos triste. Que Deus conforte sua família”, lamentou Francisca Primo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário