Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Bastidores da política desta quinta...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta quinta-feira, 07 de janeiro de 2016.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
07 de janeiro de 2016

Diálogo
Recentemente, o governador Flávio Dino (PCdoB) defendeu um diálogo entre o PT e o PSDB como saída para superar a crise econômica. O posicionamento do aliado de Dilma Rousseff causou repercussão, com uns aprovando e outros entendendo como inviável os dois partidos sentarem na mesa para negociação. O secretário de Articulação Política do Governo Flávio Dino, jornalista Márcio Jerry, se manifestou assim:
1) Há algo muito errado na cabeça de quem confunde proposta de diálogo em torno de uma pauta nacional com aliança político-eleitoral;
2) A democracia permite diálogos entre diferentes e em horas de crise acertos pontuais de pautas, sem abrir mão de divergências e lutas;
3) A continuidade de um quadro de crise política impedindo saídas para a crise econômica penaliza o lado mais frágil da sociedade;
4) Só muito sectarismo pode impedir que forças políticas diferentes e até antagônicas, em dado momento de crise, busquem algum diálogo.

Saindo
Hoje, 7 de janeiro, a deputada federal Rosângela Curado (PDT) devolverá a cadeira ao titular, deputado Weverton Rocha, que passou 120 dias de licença. Possivelmente ainda esta semana seja confirmada a nomeação de Curado em um cargo nos Correios, como cota do seu partido, o PDT, comandado nacionalmente por Carlos Lupi, ex-ministro do Trabalho.

Em campo
Sem se incomodar com especulações e até uma possível candidatura comunista à prefeitura, Rosângela Curado mantém o ritmo da pré-campanha, buscando adesões para o fortalecimento da aliança liderada pelo PDT. No momento, Curado e Ildon Marques (PMN) são os dois pré-candidatos apontados com maior potencial. Mas o Delegado Assis Ramos está buscando o seu espaço e os pré-candidatos do PSDB, Esmerahdson de Pinho e Daniel Souza. Ainda pode surgir uma candidatura do PCdoB, possivelmente do deputado Marco Aurélio, e aí o meio de campo da sucessão de Madeira embola de vez. É aguardar.

Confiante
A coluna recebe uma mensagem do pré-candidato Esmerahdson de Pinho, em que ele expõe toda a sua empolgação em torno do trabalho e dos resultados que vem obtendo para viabilização do seu nome dentro do ninho tucano. “Não parei um único dia desse recesso. 24 horas no ar”, comenta Esmerahdson.

Pensando bem...
Ontem, um (e)leitor indagou: por que o PCdoB não expulsa o deputado Fernando Furtado? Como se sabe, o suplente de deputado e atualmente no cargo foi classificado pela Survival International como “Racista do Ano”, devido aos seus ataques contra os índios do Maranhão. Ele também chamou a instituição de “Ong picareta”. A própria Secretaria de Direitos Humanos do governo do PCdoB divulgou uma nota condenado a atitude do deputado.
Com a palavra, os líderes do partido.

Redução
As discussões sobre a redução da maioridade penal dominaram os debates em meados de 2015. A Câmara dos Deputados e o Senado Federal aprovaram propostas ligadas ao tema, mas as opiniões ainda são divergentes entre os parlamentares. O tema deve voltar a ser discutido este ano com o retorno dos trabalhos legislativos, em fevereiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário