Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

"Admirava o trabalho dele" - disse vereador.

Imperatriz - O presidente da Câmara Municipal de Imperatriz, vereador José Carlos Soares Barros (PTB), lamentou a morte do radialista Roberto Chaves, ocorrida no domingo, dia 22 , em Canindé (CE), aos 69 anos.

Roberto Chaves, nascido em Belém (PA), atuou por vários anos no rádio imperatrizense, e há mais de 30, atuou como radialista. O comunicador, vítima de uma fulminante parada cardíaca, atualmente trabalhava na Rádio Jornal e era proprietário do Jornal de “Mão em Mão”, e casado com a jornalista Miriam Lima, com quem teve um filho.

Na família dele [Roberto], tem outro nome ilustre – o cantor Nilson Chaves -, um dos principais nomes da música regional paraense, conhecido nacionalmente.

O vereador-presidente José Carlos Soares disse ter recebido com muita tristeza a notícia da morte de Roberto Chaves, do qual era fã incondicional e ter desfrutado de amizade durante o tempo em que ele trabalhou em Imperatriz. “Bons tempos de Rádio Imperatriz, a nossa querida pioneira”, lembrou o parlamentar.

O velório do corpo de Roberto Chaves aconteceu no Salão do Poupa Urna, com o corpo sendo cremado às 16 horas desta segunda-feira, 23, na capital cearense – Fortaleza.

O vereador José Carlos Soares destacou que Roberto Chaves trabalhou com determinação, buscando fazer com que o público pudesse facilmente assimilar a mensagem por ele passada.

Com muita tristeza, fiquei sabendo da morte do Roberto Chaves, pois foi um amigo pessoal meu, e, sem dúvida, era dono de uma belíssima voz”, comentou, observando tratar-se de “uma lamentável, com a comunicação perdendo em muito”.

Texto: Raimundo Primeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário