Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB

Rádio MDB 2

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Coluna Na Marca do Pênalti desta segunda-feira

Imperatriz - Confira alguns tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", edição de terça-feira, 05 de setembro de 2017, do Jornal "Correio de Imperatriz", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna Na Marca do Pênalti
05 de setembro de 2017

Aconteceu a reunião...
...entre o presidente do Imperatriz e alguns cronistas esportivos no último sábado, na sala da ACLEM, localizada no estádio Frei Epifânio. A expectativa de todos era saber se Damião Benício ia anunciar a sua renúncia da presidência do time. Ele não descartou essa hipótese, mas disse que está tentando uma última cartada e para isso pediu o apoio da imprensa esportiva e da torcida para poder continuar à frente do Cavalo de Aço. Para ser mais objetivo, o que Damião quer é o apoio da torcida, no sentido de abraçar o tão falado projeto Sócio-Torcedor e dos empresários da cidade, esses com contribuições mensais. Não quero aqui ser pessimista e, até gostaria de ver a torcida abraçando o projeto de Sócio-Torcedor e os empresários ajudando, mas por já ter visto tantas e tantas vezes este filme, é difícil de acreditar que possa dar certo. Está é, apenas, uma opinião, mas no fundo gostaria de ver a ideia tendo êxito. No que depender do apoio na divulgação, nós do Jornal Correio de Imperatriz estamos de mãos dadas com o Cavalo de Aço para fazer a nossa parte.

Entre as ideias...
...expostas pelos cronistas esportivos, a principal foi a necessidade da criação de um departamento de marketing por parte do Imperatriz para que este caia em campo para captar recursos para o time. Isto não é nenhuma novidade, pelo contrário, é o caminho que todas as equipes profissionais de futebol estão tomando. Só existem duas formas de um time de futebol captar recursos financeiros: venda de jogadores (o que o Imperatriz não tem) ou criação de projetos (seja ele para sócios-torcedores ou de patrocínios de empresas). Fora isso, o presidente vai ter que bancar do bolso. Imaginar que dá para bancar um time de futebol ou pelo menos as despesas do dia-a-dia com 30 jogadores com as rendas dos jogos é utopia. Até porque, rendas boas só acontecem nas finais, quando o time disputa. Sem falar nas despesas que são descontadas para a realização do jogo. O Cavalo de Aço, ainda, é uma marca forte e como tal precisa ser expandida e vendida no mercado. Infelizmente não temos na cidade empresas especializadas em marketing esportivo. Se tem, ainda, não conheço. Uma pena!

Imperatriz é campeão...
...na categoria Sub 19, competição promovida e organizada pela Liga Imperatrizense de Futebol (LIF). Na tarde de sábado, no estádio municipal Frei Epifânio, a Sociedade Atlética Imperatriz (SAI), aquele que paralisou suas atividades em 2000, derrotou o Grêmio nas penalidades máximas, por 5 x 4 após o empate em 3 x 3, no tempo normal. O Imperatriz (SAI) tinha perdido na semifinal para o Tocantins, mas ganhou o direito de jogar a final por conta de o Tecão ter usado um jogador irregular. Com isso o Tocantins foi punido com a eliminação e o Imperatriz foi para a final. A partida foi emocionante, com o gol de empate acontecendo nos acréscimos do 2º tempo. A garotada mandou muito bem.

O Operário-PR...
...praticamente garantiu o título do Brasileiro da Série D, após vencer o Globo-RN, na primeira partida da decisão, por 5 x 0. O jogo aconteceu no último domingo na cidade de Ceará-Mirim, interior do Rio Grande do Norte. A partida de volta está marcada para o próximo domingo (10), em Ponta Grosa, interior do Paraná. Em futebol já vi acontecer de tudo, mas o Operário perder esse título, eu duvido e muito. Este resultado, onde uma equipe é goleada, dentro de casa, por 5 x 0, em uma final de campeonato, só demonstra que o nível da Série D deixa muito a desejar. O Operário foi quem eliminou o MAC da Série D.

Nenhum comentário:

Postar um comentário