Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

sábado, 17 de outubro de 2015

Bastidores da política deste sábado...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição deste sábado, 17 de outubro de 2015.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
17 de outubro de 2015

Reação
A direção estadual do Partido Progressista (PP) divulgou nota sobre o desligamento do delegado Assis Ramos. Diz que recebeu com surpresa a informação sobre a sua saída do partido “sem uma aparente justificativa política”. Quanto ao não registro da filiação de Assis Ramos junto à Justiça Eleitoral, o PP joga a culpa na direção local da sigla. “O procedimento de administração da lista de filiados e sua submissão ao TRE é da responsabilidade das direções estaduais, no caso de Imperatriz presidida pelo Sr. Daniel Endrigo Almeida Macedo, atendendo uma indicação do próprio dr. Assis Ramos”. Na última terça-feira, ao retirar uma certidão no TSE, o delegado constatou que não está filiado a nenhum partido. Isso foi a gota d’água. Assis Ramos já vinha demonstrando insatisfação. “A forma dele conduzir as coisas na política não se encaixa com a minha”, comentou Ramos, se referindo ao deputado Waldir Maranhão, líder do partido no Estado.

E...
Ontem o vice-prefeito Pastor Porto comentou que “nem precisei afirmar publicamente que o PPS de Imperatriz não tinha a menor condição política de se aliar ao projeto do PP”. Porto observou que “em Imperatriz o PPS tem projeto de candidatura própria e que já está bem encaminhada, segundo pesquisas sérias feitas pelo partido”.

Em campo
Acompanhado do jornalista Elson Araújo, pré-candidato a vereador, ontem o vereador Esmerahdson de Pinho estava em plena atividade na busca de viabilização do seu nome para a sucessão do prefeito Madeira. Ele disputa no PSDB a vaga de candidato com outros quatro filiados. Esmerahdson acredita que já ocupa uma posição destacada na preferência popular e que será o escolhido do grupo para a batalha de 2016.

Obras
O secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, desembargou na tarde de ontem em Imperatriz. Ele vistoriou obras na Escola Governador Archer, Escola Barjonas Lobão, estádio Frei Epifânio e prédio do governo do Estado na rua Simplício Moreira. Hoje Clayton vai a João Lisboa, Senador La Rocque, Buritirana e Amarante. Amanhã estará em Bom Jesus das Selvas.

Seguro-Defeso
Em Imperatriz cerca de 300 pescadores foram afetados pela suspensão do Seguro-Defeso por 120 dias. Durante o período será realizado o recadastramento dos pescadores artesanais pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Há municípios menores que Imperatriz nos quais o número de pescadores é muito maior. O Seguro-Defeso é um benefício concedido pelo governo federal ao pescador profissional artesanal durante o período de paralisação da pesca para preservação das espécies. O valor do seguro corresponde a um salário mínimo por mês.

Enfrentando
Evidentemente que não resolvemos todos os problemas do estado. Mas estamos enfrentando todos, sem exceção. E obtendo resultados. Não me abalo com gritarias e baixarias. Preocupo-me mesmo só com uma coisa: melhorar cada vez mais a vida do povo, no limite do possível”. Comentário feito pelo governador Flávio Dino.

Medida justa
Em Palmas, a prefeitura aumentou o preço em seu Restaurante Popular para 7 reais. Parece caro, mas é justo. Estudantes e a população de baixa renda pagam 3 reais, desde que devidamente cadastrados. A administração da casa justificou a medida como necessária em virtude de muitos que não necessitam do serviço frequentarem o restaurante e tirarem o lugar à mesa dos mais necessitados. Aqui em Imperatriz, bem que a medida poderia ser adotada. Muita gente que recebe um salário gordinho é assíduo frequentador da casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário