Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Bastidores da politica desta quarta...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta quarta-feira, 22 de outubro.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
22 de Outubro de 2014    

Fim da polêmica
Não foi preciso uma proposta para cassar o título de cidadania imperatrizense ao empresário Damião Benício dos Santos. A Presidência da Câmara encontrou um meio “menos traumático” para resolver o problema. “Descobriu” que houve erro na aprovação do título. É que o Regimento Interno da Casa exige dois terços dos votos dos 21 vereadores para que a matéria seja aprovada. A concessão do título teve apenas oito votos favoráveis. Houve seis contra e sete vereadores não estavam presentes na sessão. Com a grande repercussão que causou junto à sociedade, especialmente à família do ex-prefeito Renato Moreira, cujo assassinato tem Damião como um dos acusados, o assunto dominou a sessão de ontem e no final o presidente Hamilton Miranda anunciou a anulação da concessão do título, em obediência ao Regimento Interno, que havia sido ignorado quando da “aprovação” da matéria na sessão da quinta-feira passada.

Mão à palmatória
Vereadores que votaram pela aprovação do título de cidadania a Damião Benício usaram a tribuna para pedir desculpas à família do prefeito Renato Moreira e a toda a sociedade. “Reconheço que cometi um grande erro, mas estou aqui para pedir desculpas, mesmo que estas cadeiras estivessem vazias”, disse a vereadora Terezinha Soares, se dirigindo a familiares de Renato Moreira que estavam presentes, entre eles filhos, netos e sobrinhos. O autor do projeto, vereador João Silva, também pediu desculpas.

Reação
“Uma agressão aviltante. Foi o que a Câmara de Vereadores de Imperatriz teve o desplante de produzir, ao conceder um título de cidadão imperatrizense a um acusado de participação no assassinato covarde do prefeito Renato Cortez Moreira. Foi um escárnio contra os familiares de Renato Moreira e os principais valores que norteiam a civilização. Minha solidariedade aos parentes e amigos do Renato!”. Palavras do empresário e ex-vereador Francimar Gomes Moreira.

Homenagem
O secretário de Infraestrutura do Governo Flávio Dino, imperatrizense Clayton Noleto, visitou a Câmara durante a sessão de ontem. Foi concedida a palavra a ele, que falou dos seus propósitos e de Flávio Dino em benefício do Estado e destacou que a sua indicação representa o compromisso de Flávio Dino com Imperatriz e região. Clayton foi homenageado pelos vereadores com uma Moção de Cumprimentos pela indicação ao importante cargo.

Caema
Hoje os vereadores discutem a proposta do Executivo de romper o contrato com a Caema. Comenta-se que a intenção da prefeitura seria privatizar a Companhia. Ontem, o vereador Carlos Hermes (PCdoB) demonstrou ser contra a ideia, inclusive observando que o governador eleito Flávio Dino pretende fazer investimentos na Caema. Vem muita polêmica por aí...

Não muda
O Maranhão não aderiu ao horário de verão. Portanto, a votação no 2º Turno das eleições obedecerá ao horário local: das 8h às 17h. O alerta está sendo feito pelo Tribunal Regional Eleitoral. E a partir de ontem (21) até 48 horas após o encerramento das eleições, nenhum eleitor pode ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo-conduto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário