Rádio MDB Brasil Nacionais

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Coluna Na Marca do Pênalti desta quinta...

Imperatriz - Confira os tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", desta quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019, do "Jornal Correio", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna na Marca do Pênalti
21 de fevereiro de 2019

Série C!
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou a tabela do Campeonato Brasileiro da Série C, competição que tem o Imperatriz e o Sampaio Corrêa como representantes do estado do Maranhão. Desde o ano passado, quando foram definidos os 20 clubes participantes da Série C, que os torcedores começaram a cogitar os possíveis adversários do Cavalo de Aço e até a divisão de grupos. Pois bem, agora é oficial e o Imperatriz, que está no Grupo A terá como adversários as equipes do Globo-RN, Náutico-PE, Treze-PB, Confiança-SE, Botafogo-PB, Santa Cruz-PE, ABC-RN, Ferroviário-CE e o Sampaio Corrêa, nessa ordem no turno. Serão 18 jogos, sendo 9 em casa e 9 fora. Os jogos acontecerão, sempre, aos fins de semana (sábado ou domingo), o que dará tempo de um jogo para o outro, sem aquela reclamação de desgaste. Sem falar que o jogador terá um tempo maior para se recuperar de uma possível lesão de um jogo para o outro. Após os 18 jogos, as 4 equipes primeiras equipes se classificam para a segunda fase que passará a ser disputada no sistema de mata-mata. Só a título de informação, o Grupo B tem as equipes Luverdense-MT, Volta Redonda-RJ, Remo-PA, Atlético-AC, Boa Esporte-MG, Paysandu-PA, Ypiranga-RS, Tombense-MG, São José-RS e Juventude-RS.

Após conhecer...
...o seu adversário na estreia do Brasileiro da Série C, chegou o momento da diretoria do Imperatriz começar a se planejar para a competição. Mesmo sendo 18 jogos (ida e volta) na primeira fase, o time não pode ser dar ao luxo de começar derrapando e complicar a classificação para a segunda fase ou, pelo menos a permanência na Série C de 2020. Vale lembrar que os dois últimos colocados em cada grupo vão ser rebaixados para a Série D. No grupo do Cavalo de Aço não tem nenhuma equipe boba e, mesmo com o campeonato começando, apenas, em abril, já é bom o pessoal do Imperatriz começar a acompanhar os adversários, em especial o Globo-RN, adversário na estreia. A logística de viagem não será complicada, o que vai facilitar a chegada do time imperatrizense nas cidades onde vão acontecer os jogos.

O Imperatriz foi...
...representado pelo seu presidente, Adauto Carvalho, na reunião de terça-feira, na CBF. Imagino que Adauto Carvalho deva ter conversado com o Diretor de Competições, Manoel Flores, no sentido de passar algumas informações importantes sobre a cidade e o torcedor de Imperatriz. Por exemplo, os dias e horários preferidos dos jogos do Cavalo de Aço aqui em Imperatriz. Como a própria tabela deixa em aberto os dias de sábado e domingo para a definição dos jogos, acredito que Adauto deva ter informado que o Imperatriz tem interesse em realizar os seus jogos no estádio Frei Epifânio aos sábado, no horário das 19h30. Se possível até entrar com ofício junto a CBF fazendo esta solicitação para que depois ninguém apareça dizendo que não sabia. Quanto aos jogos fora casa, cada clube mandante tem a prerrogativa de escolher o melhor dia e, certamente, o Imperatriz vai realizar muitos jogos na tarde de domingo. 

O ano passado...
...foi muito bom para o Imperatriz nas duas competições que participou. No Maranhense o time chegou ao vice-campeonato e no Brasileiro da Série D conquistou o acesso para a C deste ano. Ou seja, mesmo sendo o primeiro ano da nova diretoria, a competência, aliada com uma pitada e sorte, foram de suma importância para a boa temporada da equipe. Já neste início de temporada não podemos afirmar o mesmo, apesar de, ainda, está muito cedo. Tudo começou com o planejamento, que está provado que não foi o ideal. Em seguida as contratações, onde se ver a quantidade superando a qualidade, com muitos jogadores não conseguindo entregar o que se espera dele, enquanto outros de mostram não ter capacidade para vestir a camisa do Imperatriz. Pelo menos neste início de temporada, a capacidade não está andando ao lado da sorte. As promessas de título no maranhense e o acesso para a Série B correm sério risco de não se concretizarem. Está faltando um pouco mais de capacidade e sorte para o time começar a deslanchar e alcançar seus objetivos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário