Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Coluna Na Marca do Pênalti desta segunda..

Imperatriz - Confira alguns tópicos da Coluna, "Na Marca do Pênalti", edição de terça-feira, 06 de fevereiro de 2018, do Jornal "Correio de Imperatriz", escrita pelo radialista Carloto Júnior.
Radialista Carloto Júnior.

Coluna Na Marca do Pênalti
06 de fevereiro de 2018

Às semifinais da...
...Taça Guanabara (1º turno), do Campeonato Carioca, já estão definidas com as presenças de Flamengo, Botafogo, Boavista e Bangu. Vasco e Fluminense não conseguiram classificação. O Vasco, até se entende, já que por conta dos jogos da Pré-Libertadores, escalou time reserva no início da competição, o que acabou comprometendo a classificação. Chegou na ultima rodada com chances, mas, além de vencer (o que aconteceu), dependia de uma combinação de resultados, o que não aconteceu. Os jogos das semifinais da Taça GB acontecem na quinta-feira (8), entre Boavista x Bangu e sábado (10), entre Flamengo x Botafogo. Os locais, ainda, não foram definidos e Flamengo e Boavista jogam pelo empate.

Na rodada do fim...
...de semana, do Campeonato Maranhense, o Novo Cavalo de Aço foi a grande decepção, ao perder, de virada, para o São José, 2 x 1, em pleno estádio Frei Epifânio. Nem o mais otimista torcedor do Peixe Pedra acreditava na vitória, mas o futebol tem dessas coisas. Nem sempre o favorito vence. O São José tem se tornado uma pedra na chuteira do Imperatriz no passar dos anos. Com a derrota, além de perder a chance de assumir a liderança do estadual (os resultados da rodada favoreceram), o Imperatriz caiu para a 4ª colocação, nas companhias de Cordino e o próprio São José. O próximo compromisso do Imperatriz é uma pedreira (Sampaio) e se não melhorar, e muito, corre sério risco de perder o jogo, dia 17, em Imperatriz.

Vergonha!
Este é o sentimento do torcedor do Cavalo de Aço após a derrota para o São José, no sábado passado. O time deveria se sentir assim, também, já que nada justifica a derrota, se analisarmos o investimento das duas equipes. Enquanto o Imperatriz tem um investimento alto, ficando atrás, apenas, do Sampaio, o São José tem procurado se virar nos 30, para montar o time para o estadual. O Imperatriz trouxe comissão técnica de fora e a maioria dos jogadores é de outros estados. O Peixe Pedra montou sua equipe com jogadores da própria cidade e fez peneira para completar o elenco. Mesmo assim desbancou o Novo Cavalo de Aço dentro de Imperatriz. Se não tomarem decisões drásticas, o time corre sério risco de não se classificar para as semifinais.

A derrota de...
...sábado, já está provocando o pedido da cabeça do técnico, Paulinho Kobayashi, o que é comum no futebol, quando os resultados não acontecem. Eu, particularmente, sou contra a demissão do treinador neste momento. Trazer outro técnico, sem quem ele conheça o elenco e com o estadual curto, nem com uma varinha mágica, ele vai conseguir fazer o time vencer e convencer da noite para o dia. O que precisa ser feito é mudança de atitude dos jogadores, além de mudança no time. Kobayashi precisa entender que este esquema 4-3-3 não está funcionando com Daniel e Rúbens no meio campo. São jogadores lentos e com dificuldades de chegarem à frente e recompor rapidamente. O futebol brasileiro está cheio de times jogando neste esquema, mas para dar certo precisa de jogadores que se encaixem, o que não está acontecendo com o Imperatriz. A saída é mudar o esquema para o tradicional 4-4-2 e até com mudanças de jogadores. Do time que vi, apenas a dupla de zaga, (Michel e André) e o lateral esquerdo Renan tem mostrado futebol. O restante tem deixado a desejar. Cobrança se faz necessária, do técnico para com os jogadores e da diretoria para com o técnico. Serão 12 dias até o próximo jogo, tempo bastante para mudar o que tem que ser mudado. O time tem demonstrado uma dificuldade enorme nas trocas de passe e criação de jogadas. E quando toma um gol, se perde completamente. Não se admite mais o Imperatriz perder para times como o São José, dentro de casa. Não gosto de falar em escalação do time, mas muitos jogadores não estão rendendo o que se espera deles e, quando isso acontece, é preciso trocar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário