Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Bastidores da política desta quinta...

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta quinta-feira, 30 de junho de 2016.
Jornalista Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
30 de junho de 2016

Vice, não!
Em nota divulgada ontem, o pré-candidato a prefeito Daniel Souza (PSDB) afirmou que “jamais renunciaria à minha pré-candidatura, por considerá-la legítima” e adiantou que não aceitará indicação para ser candidato a vice. “Com todo respeito à liturgia do cargo de vice-prefeito, ele não se encaixa com a proposta por nós defendida”. Ele finalizou dizendo que “seja qual for a decisão do PSDB, saberei respeitar. A palavra, agora, está com o meu líder, o perfeito Sebastião Madeira”. Ao analisar a nota, um observador político sentenciou: “Pra mim, vai constranger o Madeira ao ponto de criar arestas”. Vale lembrar que o prefeito Sebastião Madeira sempre teve que colocar “guizo nos gatos” dentro do PSDB, como Lula Almeida, já falecido, e Cândido Madeira, ex-controlador-geral do Município. Desta vez, parece que terá ele mesmo que resolver a questão. A falta que fazem os dois...

Fim da Era Vice
O vice-prefeito Pastor Luiz Porto (PPS) continua dizendo que é pré-candidato a prefeito. Mas participou do ato de lançamento da pré-candidatura de Rosângela Curado (PDT) e caminha para oficializar o apoio a ela. Só que Porto não terá vaga na chapa, porque já tem Adonilson Lima (PCdoB), e aí quebraria uma sequência de candidaturas a vice. Porto foi vice de Jomar Fernandes (PT) em 2004; vice de Jackson Lago (PDT) em 2006 e 2010 e vice de Sebastião Madeira (PSDB) em 2012. Só teria chance de ser candidato a vice este ano se fosse apoiar Assis Ramos (PMDB) ou Ildon Marques (PSB). Ou Ribinha Cunha (PSC).

Indefinição
O Solidariedade não bateu o martelo na reunião realizada na noite de anteontem. O presidente da sigla, vereador Rildo Amaral, informou que na próxima semana haverá nova discussão para decidir qual candidato a prefeito vai apoiar. O nome está entre os pré-candidatos Ildon Marques (PSB), Rosângela Curado (PCdoB) e Ribinha Cunha (PSC). Já foi descartado o Delegado Assis Ramos (PMDB).

Apressados
Boa parte dos vereadores não fica até o final da sessão. Ontem, por exemplo, quando o vereador Aurélio Gomes (PT) estava discursando só haviam no plenário sete vereadores. Os outros já tinham “capado o gato”. Aurélio falou sobre as audiências que vêm sendo realizadas nos bairros sobre o Plano Diretor. Ele chamou atenção para o pequeno número de participantes, inclusive de vereadores. Serão dez audiências. A primeira foi na Vilinha e a segunda no Parque Santa Lúcia.

Homenagem
Por sugestão do secretário da Infraestrutura, Clayton Noleto, e do deputado estadual Marco Aurélio, a Casa da Gestante de Imperatriz vai levar o nome da dra. Eimar de Melo Andrade, pioneira da medicina na cidade. Era esposa do dr. Antonio Regis, dono do Hospital São Vicente de Ferrer, hoje Unimed. Dra. Eimar morreu no dia 12 de janeiro de 2014, aos 83 anos. A Casa da Gestante será inaugurada no próximo dia 16, data do aniversário de Imperatriz.

De Flávio Dino
Situação do Reino Unido e dos Estados Unidos mostra que onda antipolítica é mundial, filha da crise econômica pós-2008.
No Brasil, onda antipolítica deriva da crise econômica e da “cruzada anticorrupção”. A soma das duas paralisou as instituições do Estado.
Com a onda antipolítica, torna-se hegemônica a lógica do “NÃO” sobre a do “SIM”, de apontar o errado do que tratar de fazer o certo.
Descrédito universal da política sempre desaguou em aventuras e desastres. Alemanha dos anos 30 é o maior exemplo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário