Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

sexta-feira, 24 de março de 2017

Bomba! Sampaio pode perder 4 pontos por relacionar jogador sem contrato

Goleiro Jean, do Sampaio Corrêa.
São Luís - Pelo visto, o ano não começa bem para o Sampaio Corrêa. Após eliminação em 3 competições (Copa do Brasil, Copa do Nordeste e 1º turno do estadual), o Tricolor corre o risco de ser punido com a perca de 4 pontos por ter relacionado o goleiro Jean, com contrato vencido, no jogo contra o Imperatriz, no último domingo, dia 19, em São Luís, quando a equipe empatou em 1 x 1, e foi eliminado da semifinal do 1º turno do estadual. Além disso, o Sampaio pode ser multado e até excluído do Campeonato Maranhense.
Informe sobre o contrato do atleta no BID da CBF.

A irregularidade sobre a situação de Jean só foi descoberta por causa do jogo de quarta-feira (22), quando o Sampaio venceu o Sport por 2 a 1 na Copa do Nordeste. Quando o nome do goleiro foi inserido para preenchimento da súmula digital, o sistema da CBF acusou a falta de contrato vigente. Esse foi o motivo da entrada de Wanderson como titular, com o Sampaio ficando sem reserva no banco.
Relação dos atletas do Sampaio no jogo com  Imperatriz.

O contrato de Jean foi assinado no dia 28 de março de 2012 e no dia 30 de março foi registrado. No dia 17 de março de 2017 chegou ao fim. O problema é que no jogo contra o Imperatriz, no dia 19, Jean foi relacionado no banco de reservas, o que poderá causar complicações para o Tricolor de acordo com o artigo 214 do CBJD. Dessa forma o Sampaio poderá perder quatro pontos, um do empate contra o Imperatriz e outros três das sanções previstas pelo CBJD, além de correr risco de multa de R$ 100 a R$ 100 mil reais e até exclusão do Campeonato Maranhense. No regulamento do Campeonato Maranhense, segundo o artigo 22 está escrito que somente atletas com os contratos registrados no BID podem ser relacionados.
Novo contrato de Jean registrado no dia 22 de março.

Segundo o presidente da Federação Maranhense, assim que o caso se torna público, a entidade encaminha a denúncia para o TJD-MA. Na tarde de quinta-feira (23), às 13h59, o Sampaio deu entrada no novo contrato do goleiro que foi assinado no dia 17 de março e vai até 30 de outubro deste ano.

Fonte: GloboEsporte.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário