Parceiro do Blog

Parceiro do Blog

Rádio MDB Brasil Nacionais

Rádio MDB Internacionais Dançantes

Rádio MDB 2 Internacionais Românticas

quarta-feira, 23 de março de 2016

Bastidores da política desta quarta....

Imperatriz - Confira alguns tópicos da "Coluna Bastidores", escrita pelo jornalista, Coló Filho, no jornal "O Progresso", edição desta quarta-feira, 23 de março de 2016.
Jornalista, Coló Filho, de O Progresso.

Bastidores
23 de março de 2016

Alvo 
O deputado Marco Aurélio passou a ser bombardeado depois que surgiu a possibilidade de ele ser candidato a prefeito. Primeiro, o compararam a João Batista, que na metade do mandato de vereador se elegeu deputado e em seguida se candidatou a prefeito, perdendo feio e encerrando a carreira política. Só que a situação de Aurélio é totalmente diferente. João Batista não tinha grupo e muito menos apoio da máquina municipal ou estadual. Agora Marco Aurélio está sendo detonado porque participou da manifestação em defesa da democracia e do mandato da presidente Dilma Rousseff. Ele é do PCdoB, partido que apoia o governo federal. Se não tivesse comparecido, possivelmente estaria também sendo criticado por “medo” ou “trairagem”. Ontem, os vereadores Carlos Hermes e Adonilson Lima foram à tribuna para defender o deputado. Hermes destacou que nada vai apagar o que Marco Aurélio já fez por Imperatriz, citando diversos benefícios. Adonilson condenou o uso das redes sociais para ataques aos deputados e seus aliados.   

Zagueiro
O vereador Enoc Serafim, que recentemente saiu do PDT e se filiou ao PSDB, se tornou um dos maiores defensores do Governo Madeira. Na sessão de ontem, mais uma vez subiu à tribuna para defendê-lo. O vereador Carlos Hermes pediu um aparte e disse que, a partir daquele momento, iria considerá-lo líder do Governo, mesmo não havendo decisão do prefeito. Enoc achou graça e observou que não tem o preparo à altura para substituir o líder João Silva, “um excelente advogado, político experiente e articulado”.

Troca-troca
Com o fim da janela partidária na última sexta-feira (18), prazo para que os parlamentares migrassem de partido sem perda de mandato, 71 deputados federais (13,8%) dos 513 parlamentares  mudaram de sigla, segundo balanço da Câmara dos Deputados. A bancada que mais cresceu foi a do PP. O partido PP perdeu 2 mas ganhou 10 deputados. O PMDB perdeu 4 e ganhou 5; PSDB perdeu 4 e não ganhou nenhum; PT perdeu 1 e ganhou 1; PDT perdeu 3 e ganhou 4; PT perdeu 1 e ganhou 1.

Confirmando 
Ontem, os vereadores Hamilton Miranda e Caetana Frazão subiram à tribuna para confirmar a filiação em novo partido. Ela foi para o PSB, conforme a coluna anunciou. O partido tem como pré-candidato a prefeito Ildon Marques. Miranda deixou o PMDB pelo PP.

Indeciso
Ontem, o vereador Buzuca afirmou à coluna que continua sem partido e até o final do mês tomará uma decisão. O PSDB foi o seu único partido. Ele admitiu que saiu por causa da forte concorrência dentro da sigla, embora tenham saído os vereadores Esmerahdson e Caetana. Mas ficou Terezinha Soares e surgiram nomes considerados “pesados”, como Ricardo, Sheila, Mourão, Zesiel e Elson.

E...
Os vereadores Adonilson e Carlos Hermes (PCdoB); Richard e Antonio José (DEM); Aurélio Gomes (PT); Zé da Farmácia (PTB); Roma (PSL); João Silva (PRB); Terezinha Soares (PSDB); Fátima Avelino (PMDB) e Fidelis (PRB) continuam nos partidos pelos quais foram eleitos. O primeiro a trocar de partido foi Rildo Amaral, que saiu do PDT e foi para o Solidariedade. Depois foi Hamilton Miranda, que trocou o PSD pelo PMDB e agora está no PP. Em seguida veio Zé Carlos, que deixou o PTB pelo PV. Chiquim da Diferro se desfiliou do PR e foi para o PSB.  

De olho na conta!
O consumidor deve ficar atento a cobrança de valores proporcionais à bandeira vigente no período de leitura em sua conta de energia. A Cemar alerta para que o consumidor observe as “informações do consumo do mês” e identifique o período da leitura. Se houver dias de fevereiro, será cobrada bandeira vermelha para estes dias; se houver consumo de março, será cobrada bandeira amarela para esses dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário